Conheça os 07 Poderes da Pós-Produção

Atualizado: 19 de Nov de 2019


Se você veio até aqui, muito provavelmente, é porque se interessou por esse termo que, vez ou outra, aparece pelos grupos de 3D da vida. Mas se ainda não sabe o que é a pós-produção ou quais as vantagens e a diferença que uma boa pós pode fazer nos seus projetos, fica tranquilo que vou te explicar tudo aqui mesmo! =D



A Pós-Produção


O termo pós-produção, como o nome já bem diz, é um processo que ocorre após a produção de algo, no qual o produto ainda passa por um último estágio de finalização. Aqui, no nosso caso, estamos falando sobre pós-produção arquitetônica, que acontece depois que um 3D já foi feito e uma ou mais imagens foram geradas na etapa de renderização.


“Ah, mas se o render já foi gerado, já tenho tudo o que preciso, não? O que exatamente vou fazer nessa tal de pós?”

Na verdade, há uma infinidade de coisas. Entre as mais comuns está a correção de pequenos possíveis erros que podem ter passado batidos antes de iniciar a renderização, e o aprimoramento geral da imagem. E com aprimoramento geral, não quero dizer que a imagem estava ruim e por isso temos que resolver na pós.


A verdade é que dá sim para deixar uma imagem que já está bem legal ainda mais bonita e impactante - o que é um comportamento humano bastante natural. Um bom exemplo disso, é que nós, mulheres desse mundão de Deus, independente do quão bonitas somos, ainda insistimos em passar maquiagem ao menos nos momentos em que julgamos ser mais importantes (porque nem sempre estamos com tanta paciência assim🤣).



Se considerarmos que a pós-produção é a maquiagem dos renders, um recurso para deixá-los ainda mais bonitos, então acho que podemos entender a exposição dos projetos como um momento importante para as imagens não? Afinal, foi para isso que essas imagens nasceram rsrs’



Os Poderes da Pós-produção


Vou listar abaixo então, alguns bons exemplos do que se pode fazer numa pós-produção.



1. Fazer Ajustes Básicos


Ajustes de cor, brilho e contraste, exposição (iluminação geral) ou mesmo a adição de um bom background (céu ou “fundo”), são alguns exemplos dos ajustes mais básicos que podemos fazer no Photoshop gastando não mais que poucos minutos.

Colocando céu e ajustando iluminação no Photoshop.

2. Correção de Erros


Os erros mais comuns como manchas de iluminação (ou pela falta dela), objetos atravessados e/ou flutuantes, emendas ou repetição em texturas também são facilmente resolvidas na pós, e sem muito esforço (se você sabe o que tá fazendo, é claro 🧐).

Corrigindo erros em textura no Photoshop

3. Adição de Efeitos


Se você é daqueles que adora ver efeitos como Lens Flares (as estrelinhas de luz), Light Trail dos carros a noite (os rastro de luz), o Fog (névoa) sobre o lago ou na cidade fria, ou ainda os lindos Caustics (efeito dos raios de luz refletidos ou refratados por uma superfície curva, como a água, por exemplo), saiba que todos podem ser feitos na pós. 💪

Adicionando efeito de Fog simples na cena

4. Humanização


Se tem uma coisa que arquiteto adora, é humanizar projeto. Adicionar pessoas, animais e plantas, não só para dar a idéia de profundidade e escala, como vida para imagem é uma etapa que também costuma ser realizada na pós-produção.

Adicionando pessoa à cena

5. Usar 100% do Potencial da Imagem


Se você observar bem, vai ver que todos os renderizadores mais “maduros” já são projetados pensando na existência de uma futura pós produção sim. E a prova disso é a existência dos famosos “Render Elements”.


Em sequência: Render final, Self-Illumination Element, Raw Light Element, Z-Depth Element, Refraction Element, Material ID Element.



Para quem não sabe, esses caras são na verdade cada “camada” existente e que juntas formaram o render. E se cada uma delas é uma parte da imagem, isso quer dizer também que temos o poder de ter total controle sobre uma dessas camadas se a utilizarmos na pós-produção. Mexeu em algum ajuste na pós e o vidro perdeu o reflexo? Adivinha só, dá pra colocar de volta! Quer trocar a cor de um material depois de ter renderizado? Dá também!




6. Otimização de Tempo


Eu sei que o impacto até aqui já foi grande, mas preciso que você pense comigo. Depois de ouvir (ler, na realidade) tudo isso até aqui, já parou para pensar em quanto tempo você consegue economizar só utilizando a pós-produção?


Você não só não precisará renderizar a imagem de novo para fazer ajustes ou mesmo corrigir alguns erros, como também não precisará gastar horas tentando renderizar aqueles efeitos maravilhosos (e pesadinhos rsrs’) de Fog, Deph of Field ou Caustics, pois conseguirá fazer tudo isso em alguns minutos na pós-produção.


É daqueles que só acredita vendo? Então, abaixo estou colocando alguns exemplos que mostram que tudo o que você viu aqui não só é verdade, como também são alguns bons exemplos que uma boa pós pode sim fazer uma mega (e positiva) diferença na imagem!

Render feito pelo Gabriel Chahoud com base numa referência retirada no Pinterest X Pós-produção feita por Erika Chahoud.


Render feito pelo Gabriel Chahoud com base numa referência retirada no Pinterest X Pós-produção feita por Erika Chahoud.


Imagem das cadeiras retirada do Google + Imagem humana retirada no site Mr.CutOut X Manipulação feita por Erika Chahoud.



Render feito pelo Gabriel Chahoud com base numa referência retirada no Pinterest + Imagem Convento da Penha retirada do Google X Pós-produção feita por Erika Chahoud.




7. Diferencial


Aprender pós-produção não só é uma utilidade, é também um diferencial.


Um profissional do ramo 3D pode muito bem não conhecer a técnica, principalmente se a função dele estiver mais ligada a modelagem ou renderização, por exemplo. Contudo, conhecer toda a Pipeline (etapas de trabalho) pode ser um mega diferencial, além de ser obrigatório para os pequenos escritórios e freelancers da vida.


A real é que nesses dois casos que citei por último, dificilmente o povo vai ter o luxo de possuir uma equipe grande, com um especialista pra cada etapa. Pelo contrário, na maioria das vezes vão ser profissionais generalistas, e pra ser um bom generalista é simplesmente essencial que você domine também a pós-produção. Do contrário, muito provavelmente vai encontrar um desses 3 cenários abaixo:

  • Imagens com menor qualidade por falta de conhecimento

  • Gastos a mais pra contratar alguém pra fazer a pós pra você

  • Mais tempo gasto pra tentar resolver no render muita coisa que poderia ser resolvida mais rapidamente na pós-produção



Então, pensando em você e naqueles que querem aprender mais sobre Pós-Produção usando o Photoshop pra ter um conhecimento bem fundamentado na área, criamos o Curso Gratuito de Pós-produção. Nele, você vai aprender comigo (euzinha, Erika Chahoud o/) não só a dominar o Photoshop, como também as técnicas mais importantes voltados para 3D para Arquitetura. E aí, bora ficar empoderado com a Pós-Produção?


Curtiu? Então já se matricula que o conteúdo tá show e no final ainda tem certificado! 👊👊👊

2,497 visualizações
Logo_horizontal_claro_252x37.png

Criar e compartilhar conteúdo sobre a área de maquetes eletrônicas é nossa paixão.

Galerias

Cursos

Siga-nos

  • Grey Facebook Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
  • Grey Instagram Ícone

© 2014 - 2020 - Chahoud Cursos